1 Comentário

Confira os Níveis de Armazenamento de Água de Pedras Altas e Região – São José Opera Com 2,84% da Capacidade

Compartilhe

Níveis de Água das Barragens de Pedras Altas e Região

  • São José - 2.84%
  • Pedras Altas - 49,73%
  • França - 66,65%
  • Ponto Novo - 100%
  • Pindobaçu - 100,64%
  • Pedra do Cavalo - 66,97%
  • Gasparino - 87,32%
  • Bandeira de Melo - 94,49%
  • Apertado - 50,90%
  • Rio Colônia - 82,32%

A barragem de São José do Jacuípe está com níveis crítico.

As barragens têm um papel fundamental nas ações de amenização dos efeitos da seca e melhoria da qualidade de vida do homem do campo. São responsáveis pelo armazenamento da água e perenização dos rios com a finalidade de abastecimento humano e animal nos períodos de seca. Proporcionam também a irrigação das terras e a piscicultura possibilitando o aumento da renda da população local.

BARRAGEM BANDEIRA DE MELO – Construída pela Cerb em 2006. Ela fica em área limítrofe aos municípios de Itaetê e Boa Vista do Tupim, e tem uma vazão regularizada de 18,83 m3 por segundo.

Seu lago armazena um volume de cerca de 111 milhões de metros cúbicos de água, possibilitando a irrigação de 19 mil hectares de terras férteis, abrangendo os perímetros de Canta-Galo, Canabrava, Piranhas, Caldeirão, Flamengo e Argoim. A barragem tem uma extensão de 863 metros por 19,1m de altura.

BARRAGEM DE PINDOBAÇU – Localizada a oito quilômetros da sede de Pindobaçu, na região do Piemonte da Chapada, a Barragem de Pindobaçu tem um volume de armazenamento de 16,88 milhões de metros cúbicos permitindo a implantação do sistema de abastecimento de água local de Pindobaçu, Saúde e Caém, além de reforçar o sistema de Jacobina. As obras foram executadas pela Cerb em 2005.

BARRAGEM DE PEDRAS ALTAS – Está situada na bacia hidrográfica do Rio Itapicuru, junto ao povoado de Pedras Altas. A obra foi realizada pela Cerb e concluída em 2001. Tem uma extensão de 1.110 m por 23 m de altura. Ela foi concebida tendo um extravasor no trecho central em concreto compactado a rolo e fechamento lateral das ombreiras com maciço de terra, além de torre de tomada d´água, casa de controle e galeria de descarga de fundo.

BARRAGEM DE PONTO NOVO – A barragem leva o mesmo nome do município, com capacidade de armazenamento de 40 milhões de metros cúbicos e a perenização do Rio Itapicuru – Açu. A obra foi concluída pela Cerb em 1999.

BARRAGEM DO APERTADO – localizada no Rio Paraguaçu, município de Mucugê. Tem volume de acumulação de 108.000.000 m3, com a formação de um lago com 23 km de extensão. A área da bacia hidráulica compreende 13,56 km2. A barragem foi projetada para atender principalmente à agricultura irrgada da região. Essa barragem também foi construída pela Cerb em 1998.

BARRAGEM DO FRANÇA – A barragem fica localizada no Rio Jacuípe, nos municípios de Piritiba/Miguel Calmon e acumula um volume de água de 24.200.000 m3. Foi construída pela Cerb em 1996.

BARRAGEM DE SÃO JOSÉ DO JACUÍPE – A barragem está localizada no Rio jacuípe, no limítrofe dos municípios de Jacobina e Mairi. Construída na década de 80 pela Cerb. Altura máxima de 41,0 m por 1.560m de comprimento. Na época, ela construída para atender à irrigação, abastecimento humano, piscicultura, pecuária e perenização do rio que lhe dá o nome ao longo de uma extensão de 180km , até a sua confluência com o Paraguaçu.

BARRAGEM DE PEDRA DO CAVALO – Localizada entre os municípios de Governador Mangabeira e Cachoeira, no Rio Paraguaçu. Construída pela Desenvale e Governo da Bahia, com mais de vinte anos de existência. A barragem é responsável pelo abastecimento de água para Região Metropolitana de Salvador e controle de enchentes, além de geração de energia.

Fonte de todo o conteúdo: cerb.ba.gov.br

Você Tomaria A Vacina do Covid-19 Mesmo Sabendo Que Pode Morrer?

1 Comentário. Deixe novo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu